Cupcakes Frugívoros

Peças:

Massa

¤ 200g de amendoas;

¤ 200g de tâmaras sem caroço;

¤ 1 colher de sopa de suco de laranja.

Recheio

¤ 1 Banana amassada.

Cobertura

¤ Frutas polpudas como coco, kiwi, manga, pêssego, morango, goiaba, mamão, etc.

Decoração

¤ Frutas miúdas como cereja, uva, acerola, jabuticaba, pitanga, estrelinha de carambola, etc.

Encaixando as peças:

◊ Para essa receita, será necessário que você tenha um processador de alimentos disponível – [veja o nosso tutorial sobre utensílios e eletrodomésticos] – existem uns modelos pequeninos que custam cerca de R$ 50,00. Acredite é um artigo muito útil na cozinha!

◊ Coloque as amêndoas no processador e triture até obter uma farofinha. Veja a foto:

◊ Acrescente as tâmaras e bata novamente até que elas fiquem totalmente trituradas.

◊ Quando já estiver tudo bem trituradinho, coloque o suco de laranja (1 colher de sopa) e bata novamente. O suco vai dar liga na massa e ela vai ficar assim:

◊ Você vai precisar de uma forminha sem fundo para modelar os cupcakes. Caso não tenha a forminha, você pode cortar o fundo de uma embalagem plástica e utilizá-la como modelador.

◊ Com as mãos, acomode a massa no interior da forminha fazendo uma depressão no meio:

◊ Retire a forminha

◊ Cubra a o furo central com banana amassada – você pode variar o tamanho do furo e, com isso, a quantidade de recheio e cobertura:

◊ Para a cobertura, você precisa fazer uma pastinha com as frutas polpudas. Utilize o garfo em caso de frutas macias ou relativamente macias, como o morango, o kiwi, o pêssego, a goiaba e a manga e o liquidificador em caso de frutas muito duras, como o coco. Finalize os cupcakes com a essas pastinhas e decore com as frutinhas miúdas. Veja alguns exemplos:

cupcake de manga

cupcake de kiwi

cupcake de mamão

cupcake de goiaba com uva

cupcake de morango com carambola

cupcake de pêssego com uva passa

cupcake de coco fresco com ameixa 

◊ Frutas abertas não devem ficar muito tempo expostas, então é interessante que os cupcakes sejam preparados perto da hora de servir.

Fonte: http://brincandodequebracabeca.wordpress.com

 

 

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *